O Atraso do Saulo

O Atraso do Saulo
1 de outubro de 2006 Daniela Xavier

O menino corria esbaforido pela rua. Num dia daqueles em que o transito não dá folga, ele só sabia correr. Uma sensação estranha de estar em falta corria o corpo machucado do menino. Corre rapaz, voce está atrasado. E ele, apressado, ziguezagueava por entre as pessoas e os carros na movimentada cidade de Fortaleza.
Depois de muita pressa, enfim ele chega. Bate no portão com tanta ansiedade que quase o derruba. Bate mais. Que espera horrível. Será que chegara a tempo. Adiantou correr como um louco pelas ruas? Na cabeça do Saulo*  não havia bons pressentimentos, afinal, a reunião seria às 14:00 horas e já eram quase 16:00, será que ainda havia um jeito para as suas quase duas horas de atrazo?
Saulo percebe que alguém se aproxima do portão. Calmamente, (nessas horas é sempre assim), abre o portão como se nada estivesse acontecendo. A angústia do menino aumenta. Seu coração acelera no impulso da ansiedade e da adrenalina que a recente correria lhe trouxeram. Um gosto estranho na boca e o olhar meio assustado são seu cartão de visitas quando ali naquele portão preto.

Elizabeth, uma das missionárias da Casa de Meu Pai, quase não acredita no que vê quando vai atender ao portão. Era o Saulo. Nem o esperavam mais. Acreditavam que ele não viria para a primeira reunião do Grupo de Discipulado da CMP. Saulo havia sido selecionado pela equipe de obreiros para frequentar um grupo de discipulado. Eles estão se preparando para levar algumas das crianças de rua de Fortaleza para o sítio de recuperação e desintoxicação que Jocum está organizando em Iguape-CE. Saulo é um dos meninos que está ansioso para deixar as ruas e ter uma nova vida.
– Ei Tia Else, ainda tem reunião? Saulo não saiba de nada…
Na verdade, como já se esperava ninguém havia aparecido. Trabalhar com crianças de rua não é fácil. É um trabalho que requer tempo, paciência, fé e muita, muita perseverança. Os obreiros já estavam acostumados. Para se colher um fruto, é preciso conhecer bem os segredos da semente.

– Calma Saulo. Está tudo bem. Você não está sabendo né… Na verdade, ninguém veio na reunião. Você Saulo não está atrazado, você é o primeiro!
Saulo conhece o frio das ruas. Ele sabe muito bem o que significa viver sem lar, comida, família, amor. Saulo corria pelas ruas atraz de afeto. Ele corria atraz daquilo que ele não experimenta. Ele corria para os braços do amor na casa de seu pai. Ele bate num portão preto que para ele é quase a porta do proprio céu.

Ele não estava atrasado. Na verdade, ele nunca poderia chegar tarde demais, pois o Pai já o espera por muito tempo. No seu dedo ele colocará um anel, trocará as suas vestes sujas, levá-lo-à a uma recâmara de banho com águas que curam. E fará para Saulo uma grande e maravilhosa festa.
“Meu filho amado, você estava perdido, jogado pelas ruas das cidades. Agora, foi achado!”

A porta estará sempre aberta esperando que todos os filhos entrem e se regozijem. E todos os “Saulos” são bem vindos!
“Vinde benditos de meu Pai, para o Reino que vos está preparado” (Mt. 25:14).

* Saulo é um nome fictício para se preservar a Identidade do garoto. A História é verídica.
Casa de Meu Pai (CMP) é um ministério de Jovens Com Uma Missão Fortaleza-CE.  Fundada em 1995, tem como visão resgatar e recuperar crianças em crise, em particular, crianças em situação de rua. Para quem deseja ser um colaborador, o ministério dispõe de várias oportunidades de serviço, voluntário ou como obreiro de tempo integral. Você ainda pode colaborar com oração e doações diversas.

Entre em contato:

+55(85)88844511

Colaboração: Elisabeth Hamsoe

Formada em Gastronomia e casada com Saulo Xavier, servem na Missão Além, com projetos de Tradução e Mobilização.

1 Comentário

  1. nancy 6 anos atrás

    belo documentário.
    sou caboverdiana, gostaria muito de poder ajudar e trabalhar com as crianças de rua.
    tenho 16anos,estudo o 11ºano.
    quero saber muito mais acerca delas para poder ajudar-las mesmo aqui em cabo verde.
    abração…Deus vos abençõe…

    estou á espera de alguma mensagen/resposta vossa.passem bem…

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*